As plantas de interior podem ser utilizadas como peças de realce, para suavizar áreas, criar expressão e auxiliar na saúde. Elas criam uma atmosfera natural, trazem frescor e vida ao ambiente e é fundamental para compor a decoração domiciliar.

As plantas para apartamento pequeno devem ser posicionadas da maneira correta para não sobrecarregar o local visualmente. Elas podem ser utilizadas para preencher os cantos ou até mesmo serem penduradas. Mas você sabe quais são as melhores espécies para decorar ambientes fechados? Continue a leitura que eu vou lhe mostrar!

Por que ter plantas indoor?

Esteticamente, as plantas valorizam muito o ambiente pelos motivos já citados acima. Mas além disso, elas também auxiliam na saúde e bem-estar. Uma pesquisa publicada no Journal of Physiological Anthropology sugere que a interação ativa com plantas dentro de casa pode reduzir o estresse fisiológico e psicológico. Outro benefício também é que elas regulam a umidade do ambiente e ajudam a diminuir a temperatura também.

Quais são as melhores plantas para apartamento pequeno?

As espécies que você deve escolher, nesse caso, devem ser específicas para ambientes fechados e com menor necessidade de luz solar direta.

1.   Lança de São Jorge

Essa é, sem dúvida, uma das plantas para apartamento pequeno mais presente no interior de residências e escritórios. Além de ser versátil na decoração, podendo ser plantada em pequenos vasos ou em vasos maiores, ela é de muito fácil cuidado. Ela se desenvolve facilmente sem muita luz solar, quase não precisa de adubação e você deve regar apenas uma vez a cada duas semanas, mas evite jogar água nas folhas. A Lança de São Jorge é ideal para sala de estar, escritórios e banheiros.

2.   Rosa de Pedra

Essa suculenta faz sucesso por ter um formato muito parecido com o de uma flor. Ela vem ganhando espaço em apartamentos pequenos pela facilidade de manutenção que toda suculenta tem. As regas só devem acontecer quando o solo estiver seco e ela sobrevive e se desenvolve muito bem a meia sombra. Porém a Rosa de Pedra prefere locais com mais iluminação como a cozinha. Assim como a Lança de São Jorge, as folhas não devem ser molhadas na hora da rega.

3.   Cacto

Muito popular tanto no mundo ornamental quanto na moda, o cacto vem ganhando espaço em apartamentos pequenos. Apesar de precisar de luz solar direta pelo menos 3 vezes por semana, é uma planta muito fácil de cuidar. Você só precisa regá-lo uma vez por semana nos períodos quentes e uma vez por mês durante o inverno. A sacada ou janela onde o sol incide diretamente são locais apropriados para essa planta.

4.   Costela de Adão

Para quem mora em apartamento e gosta de plantas com folhas grandes com um ar tropical, a Costela-de-adão é uma ótima escolha. Ela precisa de um local bem iluminado, mas sem luz solar direta. É indicado deixar o solo úmido, por isso a rega deve ser feita de 2 a 3 vezes por semana, de preferência com um borrifador que também pode ser direcionado às folhas.

5.   Bromélia

As plantas do gênero Bromeliaceae em geral são fáceis de cuidar. Elas não precisam de iluminação direta e se mantém bonitas por muito mais tempo quando cultivadas à meia sombra. Essa planta precisa de água a cada dois dias, principalmente dentro de sua roseta. Por isso é muito importante ficar atento e não deixar que a água se acumule nela para evitar a proliferação do mosquito da dengue. Misturar borra de café na água é uma dica para afastar o mosquito e acaba servindo de adubo para a planta.

Agora que você já conhece as melhores plantas para apartamento pequeno, que tal começar a dar vida para a sua decoração? Não se esqueça das necessidades de cada uma como periodicidade de rega, luz solar e adubação. Assim você vai poder desfrutar dos benefícios decorativos e anti-estresse que as plantas podem proporcionar por muito mais tempo.

Gostou das dicas de plantas que lhe dei? Então me siga no Instagram, Facebook, LinkedIn e YouTube!